sexta-feira, agosto 17, 2007

Presidente da Philips se desculpa por "deboche" sobre o Piauí

Legal, o executivo de uma das maiores multinacionais do mundo sacaneou o Piauí. Disse numa entrevista que "se o Piauí deixar de existir ninguém vai ficar chateado".

Agora acaba-se o copiar e colar.

O negócio é o seguinte; se um Estado precisa disso para se fazer notado é porque o homem tinha razão, não é? Além do mais, quem, entre os meus cinco leitores, já foi ao Piauí?

2 comentários:

Musa de Caminhoneiro disse...

Nunca fui ao Piaui porque o Piaui, assim como o Acre, não existe!

Tio Xavier™ disse...

Eu nunca fui e nem pretendo. Mas conheci um legítimo produto da terra, a Aline: uma amiga muito vivaz, amorosa e com outros atributos que não me atrevo a escrever aqui. Só por ela terá valido à pena a existência desse desconhecido pedaço do Brasil.