terça-feira, novembro 20, 2007

Quando era criança, queria ser herói...

...daqueles que salvam o mundo e as pessoas ficam felizes porque você foi importante para elas naquele momento. Não importava o tipo, se de revistinhas do Homem-Aranha ou desenhos japoneses, queria ser um herói, ter poderes, ser especial.

Cresci e até hoje mantenho esse sonho. Volta e meia quando estou caminhando pela rua penso como seria legal se pudesse voar por aí, ter força suficiente pra acabar com qualquer valentão e, principalmente, viver uma aventura que desse sentido à minha vida. Pois é para isso que os heróis vivem, para suas aventuras. Apenas elas dão sentido à sua existência.

Como não posso voar nem tampouco tenho uma aventura as escrevo. Neste momento estava escrevendo uma delas, embora tenha parado por falta de motivação.

Não sei se as pessoas a quem dei meus textos para ler repararam, mas o personagem principal sempre sou eu. Um ao menos um EU que eu gostaria de ser... Alguém que faz coisas que eu não tenho como fazer, coisas as quais não são capazes de acontecer no mundo real. Essa foi uma maneira de satisfazer meu desejo de ser um herói. Decadente e triste, mas ainda assim uma forma... No fim todos têm sua forma de escapar do mundo. A minha é essa.

Muito mais que videogames ou livros. Quando escrevo é o momento no qual eu me sinto como sempre queria ser por toda a vida: uma espécie de deus.

3 comentários:

Vanessa disse...

Motivação Michelito, Motivação... Vai dar certo, não desiste!

Daniel Braga disse...

Criar é muito bom, Maicou. Conta sempre suas idéias aí!!

Gabriela Iscariotes disse...

Presente procê, Máicou:

http://www.thesuperheroquiz.com

Não é grande coisa, mas pelo menos vc vai saber a qual superherói vai estar se referindo quando falar de vc mesmo.

Abração.